Terça-feira, 8 de Setembro de 2009

Que me dizem? Falemos então de sexo!

 

Uma questão é saber se esta "abundância" de sexo escrito (não falado)    se deve à importância que ele têm, ou devia ter, nas nossas vivências, relacionamentos,  ou se,  é um mero  produto onde se encaixa a transgressão o proibido ( e como se sabe o fruto proibido é sempre o mais desejado..) .

Falemos então  de sexo!!  Hoje vamos deixar de lado a bela e  boa  culinária, que como se sabe é  apanágio deste blog..! 

Sexo, ou seja fazer sexo é hereditário.   Ou não estaríamos todos aqui.

Claro que com o avanço da ciência hoje em dia já nos podemos reproduzir-nos sem ter que praticar a actividade mais antiga do mundo e quiçá mais saudável...!

 Mas “Cristo..”  onde é que isto vai parar …??

É quase, como fazer omeletas sem ovos , ou ainda que mal comparado, é o que se pode chamar de fast-food” (comida de plástico).

Ou seja não comemos nem deixamos de comer… ou alguém está convencido que sabe o que come quando passa por esses "Mac Donalds" da vida..?

Aquilo pode bem ser uma mistura à base de minhocas bem condimentadas, com  uma mistela a que dão o nome de molho e venha o próximo.... Mas dizem que é carne!  

Falar de sexo sem tabus, de uma forma simples, e directa e de fácil compreensão as vezes é confundido com  “procura e oferta” com ridicularizar, por vezes fazer “humor” não quer dizer obrigatoriamente ser ridículo ou palhaço.

Dirão alguns, para que falar de sexo ? 

Não é  desnecessário, não necessita de explicações muito menos é um assunto onde se deva trocar ideias.. 

Benzos deus… alguns estão bem enganados…. Existe por ai tanto energúmeno que não consegue fazer umas distinções básicas … ou seja, basicamente não sabem mais que olhar para o seu próprio umbigo. 

Homens e mulheres, a aprendizagem faz falta sim senhora, alguns como de pão para boca…

Depois há por ai  muita confusão, é que falar de sexo não é propriamente dizer: “me liga vai…. “

O sexo é ou deveria ser uma coisa intuitiva aquilo que eu chamo química.. pele …

Podemos e devemos falar sem preconceitos ou tabus, é natural…

Porque é que eu posso falar das aventuras do meu dia a dia , no emprego, em família, com amigos, etc e parece natural e o sexo tem sempre restrições??? Claro que há maneiras e maneiras… não precisa tão pouco de descrições minuciosas, ou vulgaridades, e existem por ai, várias tentativas nesse sentido...depois acaba por se tornar uma coisa completamente repetitiva e maçadora.

Pouco me importa as vezes que a vizinha do blog ao lado, dá uma ou mais  cambalhotas na cama. Se lhe chama cabrão ou lhe diz que o ama …

Se gasta mais ou menos tempos nos preliminares… Ou as vezes que se vêm ou com quem...  Se geme muito ou pouco..

Nada, não me importa ,nem tenho nada a ver com isso, importa-me sim e tenho a ver com isso , quando se confundem as estações..!

Assim tipo, querem apanhar o comboio para a Damaia e sair no apeadeiro ou estação da Reboleira  mas acabam na  gare do oriente e nem percebem a diferença...

Falar de sexo é encarar a sexualidade como algo realmente natural, pois se "estas coisas" são efectivamente naturais porque não falar delas?

A questão é:  Sexo é banal (não no sentido pejorativo da palavra) mas no sentido das pequenas grandes coisas que fazem parte da nossa vida, com mais ou menos  significado para cada um de nós, e todos praticamos.

Porque é que alguns o encaram de uma forma grosseira e são desnecessariamente inconvenientes?

Isso apenas revela além de pouca inteligência muita tacanhez

Afinal todos o praticamos (ou quase todos…) desde a nossa mãe as avós..

E essa pratica não  faz de nós seres excepcionais mas faz-nos sem duvida muito mais felizes e satisfeitos.

Mas nem sempre as mentalidades conseguem evoluir … há cabeças e cabecinhas… e, ao nível da sexualidade, ainda é mais evidente o preconceito o rótulo 

Todos nós somos filhos e netos de alguém, e as ideias e valores relativamente ao corpo e à sexualidade passam de geração em geração, mas quer-me cá parecer que existe por ai muita gente que ao pé dos avós teriam negativa se a matéria fosse sexualidade.

Falar de sexo não faz de nós pessoas fáceis diferentes de quaisquer outras, ou presas fáceis para qualquer pseudo predador da treta.

 

Saia Justa

publicado por Saia-Justa às 20:43
link do post | confessionário | ver confissões (15) | favorito
|

.Elas....

.pesquisar

.Fevereiro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

.pecados/recentes

. Que me dizem? Falemos ent...

.pecados/absolvidos

. Fevereiro 2012

. Outubro 2011

. Abril 2011

. Janeiro 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

.tags

. todas as tags

contador de visitas
compteur gratuit
contador de visitas

.últ. comentários

Vou revelar meu segredoNInguém imagina que na inti...
Procuro mulher fogosa para inversão.Tenho cara voz...
SoParaEla.Net ( SexShop , Sex Shop )http://www.sop...
Interessante. E agora, tantos anos depois... Já fa...
Pelo menos eu percebo e adoro quando minha namorad...
Kkkk... o que eu mais gosto é de explorar os lábio...
Macarron chacarron
Mulher, e a coisaa material mais gostosa que Deus ...
olá rapariga. pela tua mentalidade e pela abordage...

.mais comentados

eXTReMe Tracker
provided by Inteliture.com
Inteliture.com
online
blogs SAPO