Quinta-feira, 18 de Junho de 2009

Maduros mas rijinhos ( receitas conventuais)

Os ditos querem-se maduros mas rijinhos com uma ligeira penugem, e amarelinhos num tom ligeiramente dourado. Formato arredondado que pode ser de pêra mais ou menos descaído nunca muito regular. Porque não há propriamente um feitio definido… Deve colher-se quase maduro não convêm andar por ai a exposto ao ar .   Há quem goste ao natural mas são muito poucos os que usufruem dos ditos  sem primeiro os manusear  com mais ou menos vapor.. pode parecer exagero mas aparecem sempre ligados a um conceito de prazer  vá se lá saber porque… e não apenas por ser doce.

Em Portugal temos alguma tradição de os confeccionar principalmente para consumo próprio, e segundo reza a historia parece que é mesmo uma vocação real, há pois é… já o D. João V foi o grande responsável por muita da marmelada que se faz por cá… principalmente ali pelas bandas de Odivelas..durante o seu reinado , e parece  que foi longo, dizem que foi um dos mais celebres comedores “fazedores” de marmelada que se tem memoria na historia.

Alguns entendidos na matéria historiadores  dizem que era um tipo cheio de caganças, gastou fortunas  para satisfazer caprichos pessoais. Convento de Mafra e o Aqueduto das Águas Livres são alguns deles. Mas o gajo tinha  uma vasta cultura, e amava a música foi  educado nas práticas religiosas  o cognome  o  Freirático assenta-lhe que nem ginjas. É que perdia a cabeça por tudo o que usava saias principalmente freiras.

Já aqui tanto se falou de padres a bater punhetas iniciação ao sexo anal, 69 em posições duvidosas  e estranhas … que agora chegou a vez das freiras… é que na verdade, ouve um tempo em que a vocação era a última das razões para as mulheres irem para freiras. É que a hipocrisia já vem de longe, e o chamamento do senhor é mais uma das grandes tangas que arranjaram para esconder o que alguns  acham vergonhas aos olhos da sociedade. Dar umas fodas até se podia mas recatadamente ..

Ora então o rei Beato passou a ser frequentador assíduo de um determinado convento  lá para as bandas de Odivelas ,  quando lá chegou a jovem de 17 anos  e bonita” Paula Teresa da Silva “uma miúda  rebelde e namoradeira, foi internada pelo pai porque não  conseguia controlar o assanhamento da filha que passou a chamar-se singelamente madre Paula.

 Era vê-lo apear-se da sua  carruagem topo de gama  , à porta do convento. Para que…?? pois muito provavelmente para rezar com as freiras assentadas nos joelhos ou trocar alguma receita de doces conventuais. Para romper a monotonia diária, noviças e freiras entregavam-se à doçaria. Preparavam biscoitos, bolinhos, bolos, conservas, empadas, pães-de-ló, pudins, queijadas, tigeladas, toucinhos-do-céu e marmeladas. Guloso, galanteador, mulherengo e apaixonado, era tudo menos um platónico freirático.

Era de bom tom, qualquer nobre que se preze “ter” a sua freira , trocavam correspondia, e visitavam  no convento onde se trocavam presentes. poemas por doces conventuais (ainda hoje têm fama a marmelada de Odivelas e o pudim da madre Paula ) as celas eram verdadeiras  alcovas.

A  verdadeira paixão de D. João V estava em Odivelas, no ninho da madre Paula”. Ele visitava-a todas as noites, ou quase e com tal assiduidade, nada mais natural que fazer alguma marmelada ..
 
Jovenzinha mas antes de trocar receitas com o tal do João já a madre Paula fazia treinos de culinária com o conde do Vimioso ,  foi por isso que entrou para o convento, ora aqui esta a tal vocação …
Mas isto como gente fina é outra coisa… e putas são só as do povo… as outras quando muito senhoras prostitutas ou viravam freiras. Isso antigamente porque hoje aparecem nas revistas cor de rosa.  Foi fácil ao rei e ao conde chegarem a um acordo.
E lá passou a Paula a ser a preferida do  João V, que a transformou numa espécie de xanoca, biboca  de qualquer revista social que se preze,  mais desejosa de conforto e prazeres da carne  que de sacrifícios e de cilícios.
 
 E grande  diferença de idades trinta anos mais velho do que a freira dizem que o rei , e porque na altura não existia viagra… algumas  vezes só  colaborava  com a amante na confecção do pudim da “Madre Paula” ainda hoje muito conhecido.

 Batia  as dez gemas de ovos  com o açúcar que a receita indica...e tudo uma questões de doçura mais ou menos pratica com as mãos. Ou seja, entremeava as pulsações do coração com as contracções do estômago, mordiscando os marmelos, perdão os quadrados de marmelada da Madre Paula;
 
O Convento de Odivelas tornou-se famoso pelo seu receituário doceiro, no qual avultavam, além do pudim da Madre Paula, o bolo-podre, os suspiros, o toucinho-do-céu e... os ladrilhos de marmelada, de que, pelos vistos, o Rei era grande consumidor.
Verdade ou não, não sei.. D. João V lá continuou a fazer (e a comer) marmelada com a Madre Paula, talvez na esperança de que tão doce tarefa lhe desse algum   crédito na hora do ajuste final.
 
Dizem que a Madre Paula sobreviveu 35 anos ao amante, sempre tratada com a maior consideração. No século XX, o convento de Odivelas foi trans­formado em colégio feminino, para as filhas de oficiais das Forças Armadas
 
A obsessão do rei  por  sexo levou-o ao uso descontrolado de afrodisía­cos, que lhe minaram a saúde e apres­saram a morte. Comer em excesso faz mal..
Amém.

 Ingredientes

2 kg de marmelo
Açúcar quanto baste

Preparo

Trate dos  os marmelos com açúcar a gosto o resto fica ao vosso critério…

Existem tantas maneiras de se chegar ao ponto… e nada se perde, da casca ao caroço doce geleia ou marmelada… mas cuidado com o famoso pau de marmeleiro.

 

publicado por Saia-Justa às 10:43
link do post | confessionário | ver confissões (28) | favorito
|
Quinta-feira, 26 de Março de 2009

Por baixo do hábito.

 

A curiosidade só por si não tem nada de mal.
 E já que nos é associada a nós mulheres como as rainhas da  curiosidade para que nega-lo?
 Como tenho vindo a escrever o sexo faz girar o mundo dá saúde e só não digo que faz crescer porque do “alto” do meu 1,60 de altura era uma péssima publicidade..
Mas não é de hoje que me pergunto o que leva uma mulher a abraçar a vida religiosa. Até entendo a maravilhosa “Whoopi Goldberg “ que passou do cabaré para o convento e nos entretantos  o habito era só um disfarce, porque todos nós sabemos que de santa não tinha nada  e o que ela gostava mesmo era de uma boa saia justa  e uns saltos altos e soltar a franga.
Mas desde o dia em que vi a “Julie Andrews” na (musica do coração) a rodopiar saltitante montanha a baixo que a minha curiosidade aumentou. Tanta cantoria tanta alegria ele são as freiras da “musica do coração” do “cabaré para o convento” que a minha vontade passou a ser infiltra-me num convento ,claro que não é vouyerismo,nada disso.Era só para perceber o que afinal  fazem as freiras .
 Afinal aquilo é só cantoria ou afinal também tratam da vidinha delas?
 Porque isto todos nós sabemos que nem só de rezas vive uma mulher… o corpo pede tempero isto não se pode negar.  Até para praticar o bem não há como uma mulher satisfeita.
Afinal o que é que fazem tantas mulheres juntas encerradas por vontade própria umas com as outras, ou será umas contra as outras?
Aqui entre nós para rezar é que não é. Também me parece muito estranho que a primeira ordem religiosa tenha sido fundada por um padre.. O padre Arsénio a que deu o sugestivo nome: " Irmãs da Consolação " consolação de que ou de quem?? é a pergunta que me ocorre…
Mas não é difícil adivinhar, santos propriamente ditos não existe e a cabeça de cima nem sempre tem controle sobre a de baixo, e vai dai que nada melhor que ter ali há mão  algumas meninas supostamente virgens  , sim só supostamente.. porque todos nós sabemos que virgens mesmo só as ovelhas e isto se conseguirem correr mais do que o pastor.

Mas o que existe por de trás do habito ..? o habito faz o monge. Neste caso a freira?
O  que é que acontece quando as jovem noviças passam para lá dos portões??
Assim que estes se fecham, enormes e gigantescos portões  de ferro.
Há jovenzinha quase freira são retirados todos os pertences é despojada os bens matérias, inclusive a roupa “civil” e assim tal qual veio ao mundo entra numa antecâmara.

Belas mulheres, algumas belíssimas até. Eu diria até que se Cristo estivesse efectivamente vivo as quereria todas para si, e seguramente não era para que lhe fizessem orações... não me venham agora com puritanismos hipócritas, afinal é sobejamente conhecido o caso de Jesus (Cristo) de apelido, com Maria madalena. A primeira pecadora da “história” não é verdade? Não vejo então grande diferença de as ter ajoelhadas a seus pés. A elas as noviças, belas, quentes e sensuais quase freiras, prestes a passar o teste da virtuosidade. E é dai até que vem aquela velha expressão: ajoelhou têm que rezar.
 Afinal Jesus era um homem e ainda não li em lado nenhum, escrituras sagradas ou não que fosse assexuado.

Como todos já ouvimos dizer, as freiras são casadas com Jesus.
Esta afirmação sempre me deixou confusa.. Se Deus disse crescei e multiplicativos, e se o casamento é uma pratica incentivada pela igreja para não se viver em pecado, no que ficamos?
Ou serão as freiras de alguma “casta” superior até a Jesus, sim porque esse também provou os prazer do sexo. Mas se por outro lado estas têm que ser castas e puras e só as virgens podem ter pretensões a ser  a ser noivas de Cristo. Só a mulher que nunca antes foi penetrada pode passar adiante existe aqui uma grande contradição.
 Mas afinal multiplicamo-nos ou não? E alguém me explica com é que isso se faz sem sexo?

Encontro aqui novamente um discriminação em relação as mulheres e nunca antes falada. (O factor casamento)
Numa altura em que tanto se fala na falta  de abertura da igreja, que deveria permitir ao padres a liberdade de escolha para se poderem casa, nunca se ouviu falar o mesmo em relação as freiras. São mulheres eu sei, mas as mulheres tem desejos e vontades como qualquer homem e o sexo é uma necessidade básica.

E  como ninguém vive sem ele, como é que se faz no convento?? Só a rezar é que não é. Talvez se comem umas as outras e assim o “pecado” é mais pequeno e continuam virgenzinhas pobres ingénuas que não sabem o que é o ardor do sexo na sua forma mais básica e grosseira.
Há gostos para tudo, e eu até nem tenho nada contra e isto cada um sabe de si, embora eu ache que ficam no prejuízo.. a não ser, que na hora das brincadeiras entre o padre de serviço.. Porque entre bater punhetas ou estar com duas mulheres já sabemos o que eles preferem, dizem até que é o fetiche de todos os homens.

Mas acredito que a primeira a tirar a prova dos nove, é a madre superior.

Afastando-lhes ligeiramente as pernas e devagar e com a pratica de quem sabe,  aproxima os dedos dos seus sexos fechados. À estremecimento de algumas é  indício de que já foram tocadas e sabem bem a que caminhos aquilo as leva, essas denunciam-se logo não são virgens:) e as outras..   entregam-se  em completo abandono , essas sim são as verdadeiras virgens que se entregam sem questionar nas mãos de quem nesse momento confiam plena e cegamente. Fazer vir uma virgem é o ponto alto de qualquer madre superior que se preze.

Depois disso .. não há limites! Que o diga teólogo Antonio Rungi que decidiu organizar o "Miss Freira".

Neste certame só poderão participar freiras com idades compreendidas entre os 18 e os 40 anos, com «fotos bonitas e expressivas, que mostrem a beleza tanto no plano estético como no plano espiritual»,

 «A imagem que se tem hoje das freiras é de mulheres tristes, desiludidas com a vida e não realizadas», segundo o sacerdote.

A mim só me apetece dizer: há valente..

 

Nota:Espero que este post não desapareça como aconteceu com o (desejo versus pecado) que já conseguimos recupera.
Não pretendemos ofender ninguém, e, quem assim se sentir pode dize-lo num comentário ou usar o nosso endereço de correio electrónico que está no perfil. Agiremos de acordo com toda a certeza.
Sabotagem é golpe baixo e não me parece digno muito menos pensei que fosse possível em uma “plataforma” como a sapo

tags: , ,
publicado por Saia-Justa às 22:23
link do post | confessionário | ver confissões (23) | favorito
|

.Elas....

.pesquisar

.Fevereiro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

.pecados/recentes

. Maduros mas rijinhos ( re...

. Por baixo do hábito.

.pecados/absolvidos

. Fevereiro 2012

. Outubro 2011

. Abril 2011

. Janeiro 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

.tags

. todas as tags

contador de visitas
compteur gratuit
contador de visitas

.últ. comentários

Vou revelar meu segredoNInguém imagina que na inti...
Procuro mulher fogosa para inversão.Tenho cara voz...
SoParaEla.Net ( SexShop , Sex Shop )http://www.sop...
Interessante. E agora, tantos anos depois... Já fa...
Pelo menos eu percebo e adoro quando minha namorad...
Kkkk... o que eu mais gosto é de explorar os lábio...
Macarron chacarron
Mulher, e a coisaa material mais gostosa que Deus ...
olá rapariga. pela tua mentalidade e pela abordage...

.mais comentados

eXTReMe Tracker
provided by Inteliture.com
Inteliture.com
online
blogs SAPO